A Igreja no Sertão e o Sofrimento

“Meu irmão está bebendo a 15 dias seguidos.” “Meu filho voltou a beber pela influência dos amigos.” “Meu esposo largou nossa casa.” “Não vejo mais futuro para meu casamento.”

Esses e outros tantos pedidos são compartilhados todos os dias quando os irmãos se reúnem para orar uns pelos outros. Mesmo estando em meio a crentes ‘fiéis’ ao Senhor Jesus, ainda se encontra uma descrição de lutas e aflições. Essa realidade não deixa imunes aqueles que entram nas fileiras das igrejas evangélicas e assim decidem seguir Jesus.

A vida de um cristão não é caracterizada pela ação de Deus em eximir seus filhos das dificuldades deste mundo. A vida de um cristão é idêntica à dos seus vizinhos não crentes, lutando por um emprego, batalhando nos estudos, encarando as dificuldades dos relacionamentos familiares.

Aqui no sertão essa realidade vai de encontro aos que pregam o evangelho das facilidades, e são muitos os desavisados que tem seu primeiro contato com Jesus através desses aproveitadores. São tantas dificuldades que os sertanejos enfrentam, como a falta de emprego, de oportunidades e a falta da chuva que traz o feijão para as mesas, que seus olhos brilham quando escutam alguém com a Bíblia em punho bradar que todos os sofrimentos acabarão quando ingressarem na sua denominação.

Aqui no sertão, onde a saúde é precária e causa sofrimento em demasia, os pregadores de um Jesus que cura todas as enfermidades são escutados com afinco e com a esperança de ver acontecer o que os médicos não se interessaram em resolver.

Diante de tudo isso ouvimos o apóstolo Paulo dizer: ‘combati o bom combate, acabei a carreira e guardei a fé’. Nos esclarecendo que ele, um home de muita intimidade com Deus enfrentou uma vida de embate e de lutas. Seu testemunho nos leva a crer que todos tem seu combate para lutar, suas lutas e dificuldades advindas de um mundo que ‘jaz no maligno’, e que todos precisam encara essas lutas rejeitar a facilidade vendida pelos pregadores da facilidade em seguir a Cristo.

Que no Sertão, os que sofrem possam conhecer o Jesus que os ama e promete uma vida não de facilidades, mas de vida em abundância. E em vez de se preocuparem com uma vida sem sofrimentos, possam encarar tudo com a esperança de que nosso Salvador nos dará tudo que prometeu, quando vier nos buscar.

 

“Vinde a mim todos vós que estais cansados e sobrecarregados e eu os aliviarei.”

Anúncios

Sobre dyogoecris

Missionários no Sertão do Pernambuco. Procurando responder a perguntas, dente elas: 'Quem somos nós no reino de Deus?'. Esforçando-se em influenciar pessoas a se tornarem discípulos de Jesus. Enfim, descobrindo juntos através da palavra de Deus, como igreja, como funciona o Reino, como nos encaixamos, como apresentamos Jesus a todos.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s